ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Produtores de leite prometem protesto em frente da Betânia de Morada Nova

Continua o impasse entre os produtores de leite do Ceará e a indústria compradora de laticínios por causa do baixo preço de venda do produto. Os produtores querem um aumento de R$ 30 centavos no litro. Por conta disso, está marcado para este sábado (04/02), às 8 horas, um protesto em frente à sede da Betânia Lácteos, em Morada Nova.

Foto: Embrapa.

Pelo visto, não surtiu efeito positivo a reunião realizada dia 17/01 na sede da Faec – Federação da Agricultura e Pecuária do Ceará, em Fortaleza, sob a presidência de Amilcar Silveira, para tratar do tema. Do encontro com Sindlacticinios, Acesu, Adagri e produtores rurais, ficou consensuado que a Betânia iria publicar uma circular, no início de fevereiro, fixando um preço mínimo de compra do litro de leite in natura no Ceará.

A expectativa do movimento é que 2 mil produtores de leite de todo o Estado participem do ato. Os organizadores anunciam a presença, na manifestação reivindicatória, do presidente da Faec, Amílcar Silveira. Só que na agenda dele não consta essa atividade.

Prejuízos

Segundo manifesto assinado pelos produtores, as sucessivas reduções no preço do leite pago pela indústria vêm causando “graves prejuízos” e impactando negativamente na economia de seus municípios.

“As injustificáveis reduções no preço do leite pago aos produtores e o alto custo de produção estão inviabilizando a atividade”, reclama os produtores no manifesto.

A fábrica da Betânia em Morada Nova fica na Avenida do Contorno Leste, 46 – Planalto do Aeroporto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

+ 32 = 42