ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Doze entidades empresariais cearenses repudiam os atos antidemocráticos

Doze entidades do setor produtivo cearense – FCDL, FIEC, FECOMÉRCIO/CE, FAEC, FETRANS, FACIC, CDL Fortaleza, SINDILOJAS, FEMICRO-CE, CIC, ACC, SEBRAE-CE – publicaram uma nota conjunta repudiando os atos de vandalismo praticados no domingo (08/01) em Brasília. No texto os signatários representantes das federações e associações classistas expressam intolerância aos atos à ordem democrática. Leia abaixo:

Terroristas invadem sede do STF. Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil.

NOTA DE REPÚDIO

As Entidades do Setor Produtivo Cearense vêm a público expressar seu repúdio aos atos de vandalismo praticados contra o Congresso Nacional, o Palácio do Planalto e o Supremo Tribunal Federal (STF) na tarde deste domingo (08/01).

Os atos de invasão e depredação dos prédios que simbolizam os Três Poderes da República vão além do simples dano material ao patrimônio público, ofendendo de forma grave o Estado Democrático de Direito.

O direito de livre manifestação não alberga, em uma sociedade livre e republicana, agravos à ordem democrática, nem tolerância em relação aos atos que os concretizam.

Assim, as Entidades signatárias reafirmam o compromisso com a defesa de uma sociedade próspera, justa e solidária, guiada pelos princípios republicanos expressos na Constituição, confiantes na vontade superior da democracia.

Fortaleza, 09 de janeiro de 2023.

FREITAS CORDEIRO – Presidente da FCDL

RICARDO CAVALCANTE – Presidente da FIEC

LUIZ GASTÃO BITTENCOURT – Presidente da FECOMÉRCIO/CE

AMILCAR SILVEIRA – Presidente da FAEC

CHIQUINHO FEITOSA – Presidente da FETRANS

FRANCISCO BARRETO – Presidente da FACIC

ASSIS CAVALCANTE – Presidente da CDL Fortaleza

CID ALVES – Presidente do SINDILOJAS

DALVANI MOTA – Presidente da FEMICRO-CE

MARCOS SOARES – Presidente do CIC

JOÂO PORTO GUIMARÂES – Presidente da ACC

CID ALVES – Presidente do Conselho Deliberativo do SEBRAE-CE

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + 5 =